A Secretaria de Saúde deu início ao projeto Doce Espera. A iniciativa busca garantir o acompanhamento integral e incentivar as gestantes a realizarem o pré-natal. A primeira ação foi com as gestantes atendidas no CERES. Durante toda a manhã de sábado (08/05) elas receberam orientações e o kit do projeto e a vacinação contra o coronavírus para as gestantes de alto risco que pertencem ao grupo prioritário das comorbidades.

“Com a pandemia do coronavírus, observamos uma queda na procura por atendimento por parte das gestantes. Com esse projeto buscamos incentivar as gestantes, principalmente as de alto risco, a fazerem o acompanhamento médico durante todo o período gestacional”, explicou o Secretário de Saúde, Alexandre Furtado Kons dos Santos.

A Prefeita Nilza Simas acompanhou as atividades e destacou a importância do projeto. “Nossas futuras mamães precisam e merecem um atendimento humanizado e integral e com as ações do Doce Espera vamos disponibilizar isto a elas”, destacou

Como será o atendimento?
Para participar do projeto as gestantes precisam atender alguns critérios, como por exemplo, gestação de alto risco. A próxima etapa será um levantamento junto às Unidades Básicas de Saúde (UBS) para definir as gestantes que se encaixam no projeto e assim realizar as ações.

 

Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPE