O órgão afirma, porém, que não poderá prestar ajuda para o trajeto até a fronteira com a Romênia. E que não tem como garantir a partida

A Embaixada do Brasil na Ucrânia anunciou nesta sexta-feira (25) que brasileiros e outros cidadãos latino-americanos poderão deixar Kiev por meio de um trem que partirá às 22h da estação central da capital, com destino à cidade de Chernivtsi, no oeste do país.

O órgão afirma, porém, que não poderá prestar ajuda para o trajeto até a fronteira com a Romênia. E que não tem como garantir a partida ou lugares suficientes.

“Prioridade deverá ser dada a mulheres, crianças e idosos. Viajantes que tenham sucesso em partir com o trem deverão ter em conta relevantes dificuldades na chegada, onde há problemas com a falta de hospedagem, transporte para a fronteira, bem como longas filas na imigração”, afirma.

A Embaixada ainda diz que “a situação de segurança e de disponibilidade de transporte na cidade é instável” e que mudanças podem ocorrer a qualquer momento.

“Caso considerem que a situação de segurança em suas localidades o permita, cidadãos brasileiros e latino-americanos registrados junto à Embaixada poderão dirigir-se à estação para tentar embarcar. Não é necessário comprar bilhetes. A chefia da estação está avisada do assunto, e buscará atender os cidadãos brasileiros e latino-americanos”, afirma em comunicado transmitido por meio de seu canal no Telegram.

Segundo os primeiros cálculos da ONU e da Comissão Europeia, entre 100 mil e 120 mil pessoas se deslocaram somente no primeiro dia da guerra.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPE